top of page

Investigações e intrigas familiares envolvem a trama de "A Herdeira", da Netflix; saiba mais sobre o drama

A nova série reúne um elenco que já trabalhou em vários projetos juntos anteriormente, desde a produção até a atuação


(Divulgação / Netflix)

A Herdeira, o primeiro K-drama original do ano na Netflix, estreou hoje, dia 19 de janeiro, na plataforma. O drama é baseado em um webtoon e é a mais recente aposta do streaming nos gêneros mistério, investigação policial e thriller, e conta com seis episódios. A série traz Kim Hyun Joo e Ryu Kyung Soo como os personagens principais em uma grande investigação envolvendo assassinatos e segredos familiares.


Por trás do novo drama do streaming, estão dois velhos conhecidos e parceiros de trabalho. O roteirista Yeon San Ho criou outros grandes títulos, como Hellbound (2021), Trem para Busan (2016), Jung_E (2023) e vários outros. Além dele, o diretor Min Hong Nam, que já trabalhou como diretor assistente em Península (2020), Psychokinesis (2018) e Trem Para Busan (2016). O fato de ambos já terem trabalhado em projetos anteriores juntos é um bom presságio de que a dinâmica dos dois é boa e rende bons resultados. 



Durante uma coletiva de imprensa, Hong Nam falou um pouco sobre suas ideias e objetivos com o clima trazido no drama. “A prioridade era deixar as coisas mais simples e orgânicas. Quis focar na estética tradicional da arquitetura antiga, e no clima, que junto com os personagens diferenciados, me convenceram que seria um drama novo e poderoso”, esclareceu o diretor. San Ho acrescentou que quando idealizou a história em 2014, “conversei com o diretor Min sobre o projeto enquanto estávamos gravando outros trabalhos, e o chamei para trabalhar comigo nesse thriller, que deriva de um sentimento único que apenas coreanos têm”.



Desenterrando segredos



Após a morte do tio, Yoon Seo Ha (Kim Hyun Joo) herda os túmulos que pertenciam ao seu falecido tio e, a partir daí, ela começa a se envolver em alguns incidentes infelizes. Além dos problemas relacionados aos túmulos, seu irmão mais novo, Kim Young Ho (Ryu Kyung Soon), coloca maiores confusões no caminho de Seo Ha. Enquanto isso, o detetive Choi Sung Joon (Park Hee Soon), suspeita que os incidentes ocorridos no vilarejo tem alguma relação com os túmulos da família Yoon. 


Conforme a investigação avança, Sung Joon ainda precisa lidar com sua relação conturbada com outro detetive da sua corporação, o Park Sang Min (Park Byung Eun), que, além de serem colegas de trabalho, também é o chefe dos detetives. Por conta de um caso do passado dos dois, o chefe carrega consigo um sentimento de inferioridade e inveja do Choi Sung Joon.




Velhos colegas de trabalho 


(Reprodução / Netflix)

Os personagens principais são interpretados pela atriz Kim Hyun Joo e pelo ator Park Hee Soon. Hyun Joo foi a estrela de grandes títulos da dramaland, como Jung_E (2023), Hellbound (2021), What Happens to My Family (2014) e Boys Over Flowers (2009). Hee Soon também não fica atrás e tem grandes títulos no currículo, e entre eles estão Moving (2023), My Name (2021), no qual atuou ao lado de Han So Hee, e Trolley (2022). Um ponto interessante é que não foram apenas os produtores da série que já trabalharam juntos antes, mas os dois personagens principais também atuaram juntos em Trolley, como os personagens principais da trama. 


Além da dupla, dentre os personagens principais estão Park Byung Eun e Ryu Kyeong Soo. Byung Eun é um velho conhecido nosso, já que participou de séries muito famosas e queridinhas do público, como Moving (2023), Alquimia das Almas (2022), Crônicas de Arthdal (2019) e O Que Há de Errado com a Secretária Kim? (2018), com Park Seo Joon e Park Min Young. Já Kyeong Soo atuou em Anomalia (2022), Itaewon Class (2020) e em vários filmes, como The Call (2020) e Broker (2022).




Já assistiu à algum dos episódios? Conta para o Café nas redes sociais sobre as expectativas ou o que estão achando!



21 visualizações
bottom of page