top of page

Para os fãs de "Hilda Furacão": 6 filmes e K-dramas com padres e temáticas religiosas controversas

Atualizado: 30 de dez. de 2023

Amor proibido e padres atraentes são uma ótima fórmula para obras religiosas e polêmicas até entre produções sul-coreanas


Romances proibidos com padre.
(Reprodução/Globo & Korea Pictures)

A produção brasileira da Globo Hilda Furacão se tornou um assunto popular nas redes sociais, isso após 25 anos da sua estreia. A minissérie chamou a atenção por retratar um amor proibido em meio a um contexto controverso, que no caso foi o envolvimento de um padre com uma prostituta (interpretados por Rodrigo Santoro e Ana Paula Arósio, respectivamente).


Essa temática promissora e polêmica, aliás, não está restrita à obra de 1998; vamos falar de filmes e K-dramas com padres nesses enredos! Para o público que anseia por mais romances inesperados, padres gostosos e tópicos religiosos e controversos, algumas produções coreanas podem suprir essa demanda. Assim, confira abaixo seis títulos para quem se interessou por Hilda Furacão:


1- Love So Divine (2003)


Love So Divine talvez seja a produção mais parecida com Hilda Furacão, e que se assemelha às famosas novelas da Globo. Na história, um jovem padre deve escolher entre a vocação religiosa e os encantos de uma bela mulher. Kim Gyu Shik (Kwon Sang Woo) é um jovem sério que sempre trabalhou para servir a Deus como padre católico. Nisso, quando ele é designado para uma pequena igreja na zona rural, Gyu Shik conhece Bong Hee (Ha Ji Won), a sobrinha de outro padre e que acabou de voltar dos Estados Unidos.






2- O Sacerdote Impetuoso (2019)


No enredo de O Sacerdote Impetuoso, Kim Hae Il (Kim Nam Gil) é um padre católico diferenciado, grosseiro e faz comentários maldosos. Koo Dae Young (Kim Sung Kyun) é um detetive medroso. Park Kyung Sun (Lee Ha Nee) é uma promotora boa no que faz e ambiciosa. Juntos, o trio trabalha para resolver um caso de assassinato envolvendo um padre católico sênior. O título que entra para a lista de K-dramas com padres está disponível na Netflix.



3- Hospital Playlist (2020)


Hospital Playlist pode não estar tão inserida na religião, mas entre seus personagens está o amor proibido que os fãs de Hilda Furacão tanto esperam com o casal que ficou conhecido como "Winter Garden Couple". O pediatra Ahn Jung Won (Yoo Yeon Seok) tem o sonho de longa data de se tornar padre, mas acaba em meio a uma corda bamba quando conhece a residente de cirurgia geral Jang Gyeo Wool (Shin Hyun Bin), que carrega uma forte paixão pelo pediatra. O seriado está disponível na Netflix também.



4- Island (2022)


Island é uma fantasia de exorcismo e repleta de ação. Situado na Ilha de Jeju, três pessoas lutam contra o mal que está tentando destruir o mundo. Van (Kim Nam Gil) foi criado para proteger o mundo contra o mal eliminando demônios a qualquer custo, inclusive matando as vítimas possuídas. Won Mi-Ho (Lee Da Hee) é enviada para a Ilha de Jeju, após causar problemas e passar a trabalhar como professora.


Lá, acaba envolvida em um caso sobrenatural. Johan (Cha Eun Woo) é um padre católico e exorcista. Seu nobre objetivo é proteger a vida e purificar o mal. Island, que se destaca na lista de K-dramas com padres, está disponível na Prime Video.







5- The Divine Fury (2019)


Yong Hoo (Park Seo Joon) é conhecido como campeão de artes marciais. Depois da morte de seus pais, o lutador passou a carregar ressentimento do Divino, mas acaba recorrendo a um padre após ser atacado por um demônio nos Estados Unidos. O Padre An (Ahn Sung Ki) é um exorcista e vê potencial em Yong Hoo depois de saber que o lutador derrotou o demônio. Os dois unem forças para combater o mal. The Divine Fury está no VIKI.



6- The Guest (2018)


Em The Guest, um médium, um padre católico e uma detetive lutam contra crimes misteriosos. Yoon Hwa Pyung (Kim Dong Wook) nasceu em uma família xamãs, e agora ele procura aqueles que estão possuídos por espíritos malignos e tenta expulsá-los. Choi Yoon (Kim Jae Wook), no caso, é um padre católico cínico e de cabeça fria.


Ele é reconhecido por suas habilidades como exorcista, mas não gosta de contato com outras pessoas. Kang Kil Young (Jung Eun Chae) é uma detetive que não acredita em espíritos malignos ou exorcismos, mas muda de opinião após conhecer o médium e o padre.



Qual produção pretende assistir primeiro? Conte para nós nas redes sociais do Café com Kimchi!

48 visualizações
bottom of page