top of page

Em meio à turnê mundial, NCT 127 lança Ay-Yo — e tem participação brasileira no álbum!

Ao mesmo tempo em que passava por diferentes países com a turnê Neo City: The Link, o NCT 127 também se preparava para o lançamento do novo álbum


(Divulgação/SM Entertainment)

Quatro meses depois de seu último lançamento, o NCT 127 retorna com Ay-Yo nesta segunda-feira (30). O lançamento é um repackage do último Full Album, 2 Baddies (2022), e conta com três músicas novas. Acostumado a ter uma agenda movimentada, o grupo teve toda a divulgação de seu comeback nas redes sociais enquanto rodava por diferentes países na turnê mundial Neo City: The Link. A série de shows teve seu encerramento no México em 28 de janeiro, dois dias antes do lançamento oficial do mais recente disco.


A Neo City: The Link é a segunda turnê mundial do boygroup da SM, que ocorreu de dezembro de 2021 a janeiro de 2023. A extensa atividade teve início no Gocheok Sky Dome em Seoul, Coreia do Sul, e desde então passou por 17 países e reuniu mais de 700 mil pessoas. O Brasil não ficou de fora dos destinos do NCT 127 e contou com três datas em solo brasileiro, nos dias 18,19 e 20 de janeiro no Vibra São Paulo, casa de shows com capacidade para quase 7 mil pessoas. O boygroup abriu a temporada de shows de K-Pop no país, que também se prepara para receber Super Junior, Oneus, Mirae e mais.





Equilíbrio entre turnê mundial e comeback


(Divulgação/SM Entertainment)

O primeiro anuncio de Ay-Yo foi revelado em dezembro, enquanto o boygroup estava em pausa na turnê após terem encerrado os shows no continente asiático e se preparava para três concertos na América do Norte no mês seguinte. Ay-yo marca o primeiro comeback do NCT 127 em 2023 e é um dos primeiros comebacks do ano. Programado para 30 de janeiro, os nove membros Taeil, Johnny, Taeyong, Yuta, Doyoung, Jaehyun, Jungwoo, Mark e Haechan precisaram encontrar um equilíbrio para darem conta dos preparativos de ambas as atividades.



Pouco antes da retomada da turnê, em 6 de janeiro, Haechan precisou se ausentar para cuidar da saúde. Segundo a SM Entertainment, o integrante sentiu palpitações cardíacas e foi aconselhado pelo médico a repousar. Três dias depois, o grupo se apresentou no United Center em Chicago, e posteriormente embarcaram para Houston e Atlanta. A medida que os shows aconteciam, teasers de Ay-Yo já gravados pelos membros com antecedência eram liberados nas redes sociais oficiais do NCT 127.




Depois do último show em Atlanta, os oito membros tiveram quatro dias para descansar até embarcarem ao Brasil e darem inicio a turnê pela América Latina. Diferente dos países vizinhos, o Brasil foi o único a receber três datas de apresentações do NCT 127, com shows em 18, 19 e 20 de janeiro no Vibra São Paulo, espaço de eventos com capacidade para quase sete mil pessoas. Após completarem as datas, o boygroup partiu para o Chile, Colômbia e México, local de encerramento da turnê em 28 de janeiro.


(Divulgação/SM Entertainment)

Dois dias depois do fim dos shows, a nova canção Ay-Yo teve seu lançamento oficial nas plataformas musicais. De volta a Coreia do Sul, o grupo infelizmente não teve tanto tempo para descanso e já iniciaram as promoções do single, com transmissões ao vivo e performances em programas musicais.



O retorno do NCT 127 com Ay Yo


Com um álbum que misturam músicas de seu último Full Album, 2 Baddies, com novas canções, o NCT 127 teve seu primeiro comeback de 2023. Ay-Yo pode ser descrito como um disco que contempla bem a sonoridade do boygroup, com produções bem marcantes por instrumentais potentes e refrãos memoráveis. O hip-hop característico é utilizado de uma forma diferente, porém, no geral pode-se dizer que o grupo trouxe algo novo, o mesmo gênero musical, entretanto, mais controlado e de certa forma sofisticado.





Demonstrando que já pensava no Brasil mesmo antes de sua passagem pelo país, o novo álbum do grupo possui produção do duo brasileiro Tropkillaz. A faixa-título "Ayo-Yo" é fruto desta parceria e pegou diversos fãs de surpresa. A novidade foi compartilhada pelo Tropkillaz e pelo NCT nas redes sociais. A canção também contou com a participação do produtor DEM JOINTZ, conhecido por seus trabalhos ao lado do boygroup da SM.



Em Ay-Yo como single, NCT 127 repete o que foi feito com Favorite (Vampire), uma sonoridade um pouco mais leve e que tem chances de agradar tanto seu público fiel, quanto aqueles que não apreciam tanto a dinâmica agitada de suas músicas, como Sticker e 2 Baddies. Assim, seguem as novas canções do Repackage, DJ e Skyscraper.





Com o retorno de Haechan, as promoções do novo álbum acompanham performances do single principal e da b-side, DJ. Assim como a faixa-título do disco, DJ possui uma coreografia forte, cheia de movimentos rápidos e elaborados, executados com facilidade pelos membros. Diferente de Ay-Yo, nesta canção eles abandonam o hip-hop e assumem o gênero mais voltado para jazz mais dançante, que remete aos anos 70, com um funky untempo. A canção teve a participação dos membros Taeyong e Mark nas linhas do rap. Além disso, a letra da música se trata da vontade dos integrantes em se tornarem DJs e apresentarem um momento especial com uma playlist escolhida por eles mesmos.


Em Skyscraper, NCT 127 retoma o hip-hop, dessa vez, mais selvagem e mais marcado pela linhas de rap e com um refrão bem expressivo. A b-side também contou com a participação de Mark e Taeyong. Na letra, os membros mostram suas vontades desafiadores de superar constantemente seus limites e subir mais alto, como um arranha-céu.



48 visualizações

Comments


bottom of page