top of page

O K-pop invade a final do Campeonato Mundial de League of Legends com NewJeans, HEARTSTEEL e mais!

A final do Worlds 2023, sediado este ano na Coreia do Sul, garantiu a audiência não somente de torcedores e jogadores, como também de fãs de pop sul-coreano


(Divulgação/Riot Games)

No último domingo (19) ocorreu a Grande Final do Worlds 2023, sediado este ano na Coreia do Sul com direito a uma cerimônia de abertura de tirar o fôlego e participações de grandes nomes como o NewJeans com uma performance da faixa “GODS” — lançada especialmente para celebrar o mundial deste ano —, e o debut stage do boygroup HEARTSTEEL” — composto por personagens do jogo —, que conta com Baekhyun (EXO) na voz do personagem Ezreal.


A ligação entre a comunidade do League of Legends está historicamente ligada a indústria do k-pop e suas nuances de diversas formas. Seja através de colaborações memoráveis com a criação do K/DA — primeiro girlgroup composto por personagens do jogo — até a presença de artistas da indústria em eventos oficiais do jogo.


Por se tratar de um fenômeno muito respeitado na Coreia do Sul, o LoL acaba atraindo não somente a audiência comum, como também idols de k-pop que se interessam pelo jogo e pelo cenário competitivo que se assemelha a esportes tradicionais no que diz respeito ao prestígio. Jogadores e idols se encontram frequentemente na posição de ídolo e fã, o que acaba gerando momentos divertidos e curiosos.


Desta vez, o poder da união entre o jogo da Riot Games e a indústria que mais tem movimentado a imagem da Coreia do Sul no âmbito internacional se mostrou capaz de ir além, entregando não somente uma das mais icônicas aberturas de final da história do Worlds, como também ao movimentar dois tópicos que parecem tão distintos entre idols, pro-players e fãs. Confira alguns detalhes do que rolou na Grande Final do Worlds 2023 em Seul!



A união entre o K-pop e o League of Legends se prova mais forte do que nunca


Antes mesmo da grande final ocorrer, a ansiedade para o evento como um todo consumiu fãs, idols e jogadores profissionais de League of Legends com o lançamento da faixa “GODS” do NewJeans, lançada exclusivamente para celebrar a edição deste ano. Com a canção, a possibilidade de uma performance do girlgroup na Grande Final deste ano tornou-se um tópico quente, ao ponto do suporte da T1, conhecido pelo nickname Keria”, revelar que sua maior motivação para chegar na final era ver o NewJeans performar.


O renomado time sul-coreano de fato chegou a final e Keria pôde realizar seu sonho de ver suas ídolas de perto, assim como também garantiu interações adoráveis com Hanni, Danielle, Haerin, Hyein e Minji durante os ensaios para a cerimônia.


(Divulgação/T1)

Mais tarde, com o anúncio do primeiro boygroup do LoL composto pelos personagens Yone, Aphelios, Sett, Ezreal, K’Sante e Kayn, a surpresa de ter Baekhyun (EXO) entre os artistas escolhidos para dar voz aos personagens foi algo que abalou completamente os EXO-Ls que já conhecem o histórico do artista enquanto parte da comunidade de League of Legends e jogador ativo.


(Divulgação/Riot Games)

O “HEARTSTEEL” fez sua estreia nas plataformas digitais com a faixa “Paranoia” que conta com artistas internacionais em uma formação um tanto quanto inusitada que deu incrivelmente certo. De acordo com a própria Riot Games, o boygruoup conta com Ezreal (Baekhyun) como vocalista, Kayn (Cal Scruby) como rapper e instrumentalista, Yone como produtor, K’Sante (Tobi Lou) como co-líder e também vocalista, Sett (ØZI) como líder e rapper e Aphelios como instrumentista e compositor.


(Divulgação/Riot Games)

Assim como o NewJeans, o grupo foi uma das atrações da Grande Final e fez seu debut stage no palco do Worlds 2023 com a presença dos artistas que dão voz a cada personagem em uma performance icônica e cheia de referências ao jogo. A canção foi lançada em língua inglesa devido a formação global que abarca artistas de diversos países, mas é um bom exemplo de canção de k-pop devido a estética e construção musical.



Um embate histórico


As apresentações de tirar o fôlego não foram o único ponto alto da noite que encerrou o Worlds 2023. A disputa acirrada estava nas mãos da sul-coreana T1, considerada uma das maiores organizações de LoL do mundo devido ao impressionante histórico de vitórias e por ser o time de Faker”, o melhor jogador de LoL do mundo. Do outro lado, a organização chinesa Weibo Gaming disputou sua primeira final do Worlds em um embate histórico entre Coreia do Sul e China.


A rivalidade se dá desde os Jogos Asiáticos de 2018, no qual a seleção chinesa de LoL derrotou a Coreia do Sul, garantindo a medalha de ouro naquele ano. Além disso, a dominância da Liga Sul-Coreana de League of Legends (LCK) em relação a Liga Chinesa de League of Legends (LPL) nos campeonatos mundiais do jogo é uma pauta constante que motiva torcedores e jogadores nas disputas que envolvem as duas regiões.


Ao final, a T1 garantiu a vitória após 7 anos sem vencer um Worlds, tornando-se a primeira organização tetracampeã mundial de LoL. A vitória rendeu reações de diversos idols sul-coreanos que assistiram a final e celebraram a vitória do time sul-coreano que costuma ser o favorito entre as celebridades. Assim como, os fãs de k-pop acabaram participando das interações online, reagindo não somente às apresentações de seus artistas favoritos, como também às reações deles à Grande Final do Worlds 2023.


(Divulgação/Riot Games)

Também acompanhou a cerimônia de abertura? Comente com o Café com Kimchi em nossas redes sociais!


23 visualizações

Comentarios


bottom of page