top of page

Conheça a carreira da IU, a cantora sul-coreana que também brilha nas telas

Conhecida por seus trabalhos na música, na TV e no cinema, Lee Jieun completa 30 anos sendo um dos nomes mais respeitados da indústria

(Divulgação / EDAM Entertainment)

Se você acompanha solistas sul-coreanos, você provavelmente conhece a IU, ou Lee Jieun. Dona de um vocal doce e inconfundível, a cantora e compositora domina os principais charts de música do país a cada novo lançamento, e, com quase 15 anos de carreira, ela possui um público consolidado. Não à toa, seu nome é frequentemente citado entre aqueles de maior renome na indústria musical.


Além dos talentos como cantora, IU também esbanja carisma como atriz, atuando em papéis de protagonismo em doramas como Hotel del Luna (2019) e My Mister (2018). A artista assoprou as velinhas na última terça-feira completando seus 30 anos, e, para celebrar essa data, o Café com Kimchi preparou uma matéria especial para você conhecer mais sobre a carreira musical dessa idol multi talentosa. Confira após a publicidade.



Uma carreira consolidada nos palcos


Como muitos artistas sul-coreanas, IU começou sua carreira bem jovem, aos 15 anos de idade. Ela debutou pela agência LEON Entertainment em 2008, com o single intitulado Lost Child e a tradicional estreia em programas musicais de TV. No ano seguinte, a empresa lançou Growing Up, o primeiro álbum de estúdio da cantora que lhe rendeu ótimas posições no Gaon, um dos charts de música mais importantes do país. Ali, IU já mostrava seu potencial para o futuro.


Tornando seu rosto conhecido na indústria, a jovem artista começou a apresentar programas de TV, rádio e teve sua voz em uma trilha sonora de k-drama em 2010. Ela também participou de duetos de sucesso com artistas renomados, impulsionando ainda mais seu destaque. Com tanto carisma e talento de sobra, IU ganhou o título de “Nations Little Sister” ou "irmãzinha da nação”, recebendo um carinho natural do público que acompanha seus passos até hoje.



(Divulgação / EDAM Entertainment)

Em 2011 ela participou do seu primeiro trabalho como atriz no drama Dream High, atuando ao lado de Ok Taec Yeon, Suzy (Miss A), Kim Soo Hyun e outros. Ao se destacar no cenário da música e, em seguida, na atuação, Lee Jieun consolidou seu sucesso na Coreia do Sul e virou inspiração para outros jovens artistas que decidiram se arriscar na indústria pop.



Ela recebeu cerca de 130 prêmios ao longo dos quase 15 anos de carreira e coleciona parcerias de respeito, como feats com o Zico (Block B), SUGA (BTS), JongHyun (Shinee), Seo Taiji, Gain (Brown Eyed Girls) e muitos outros. IU também foi incluída na lista anual da revista Forbes como uma celebridades mais poderosas da Coreia do Sul, e marcas Samsung, Guess, Gucci, New Balance e outras têm a artista como sua embaixadora global.



4 músicas da IU que todo mundo deveria conhecer


Palette (2017)


Palette é a faixa-título do álbum homônimo lançado em 2017 e conta a participação do rapper e integrante do BIGGANG, G-Dragon. A música fala sobre se sentir bem e entender o que realmente gosta ao atingir os 25 anos de idade. Com uma melodia que lembra baladas, a faixa é ideal para quem gosta de canções mais tranquilas e suaves.



You and I (2011)


A faixa título do álbum Last Fantasy mostra a jovem IU em um momento considerado o "divisor de águas" da sua carreira. Foi sua primeira música a entrar no Billboard World Digital Songs nos Estados Unidos, ocupando a 3ª posição no chart internacional. O MV cheio de performances e fantasias apresenta uma energia alegre que combina com a faixa romântica.




BBIBBI (2018)


Lançado em 2018, essa música traz influências de um R&B mais fresh e alternativo que brinca com efeitos sonoros diferentes no instrumental, deixando a melodia gostosa de ouvir. Com um refrão e coreografia viciante, IU fala sobre um limite que não deve ser ultrapassado, se referindo à invasão de privacidade, aos rumores e às dificuldades de se viver como uma figura pública.


Lilac (2021)


Em seus trabalhos mais recentes, IU explorou elementos de uma música mais disco, ativando uma nostalgia para parte do público. No MV performático da faixa título do 5° álbum homônimo, uma história parece ser contada enquanto a idol dança em meio a cenários diferentes. Seu vocal potente toma conta do refrão que com certeza vai ficar na sua cabeça!



E aí, gostou de conhecer mais sobre a artista? Então, segue o Café com Kimchi nas redes sociais e conte aqui nos comentários o que você achou!


416 visualizações

Comments


bottom of page