top of page

Conheça "Bad and Crazy", dorama com a dupla Lee Dong Wook e Wi Hajun que vai chegar na Netflix

Atualizado: 7 de nov. de 2022

Atores do k-drama de ação e comédia mencionaram forte química e "bromance" entre seus personagens; saiba mais do enredo


(tvN / Divulgação)

Se você ficou ligado na dramaland no final do ano passado, deve ter visto uma coisa ou outra sobre Bad and Crazy. O drama de ação, produzido pela tvN e distribuído pela iQiYi, estreou na Coreia no dia 17 de dezembro; e o público internacional poderá conferir o que Lee Dongwook e Wi Hajoon vão trazer para o enredo, ao que o k-drama será adicionado no catálogo da Netflix.


Mas afinal, sobre o que é Bad and Crazy? Os trailers da série apresentam muitas cenas de ação, diálogos ácidos e brigas, muitas brigas. Com tantos momentos que chamam a atenção já nos teasers promocionais, fica meio confuso entender logo de cara o intuito da série. Há investigação? Mistério? Existe alívio cômico entre as cenas de luta?



Com tais perguntas em mente, continue aqui no Café Com Kimchi para entender do que se trata Bad and Crazy, e o porquê dele talvez ser seu mais novo drama despretensioso. Leia abaixo para saber qual é a história do dorama, e qual o papel de cada um da dupla de protagonistas.



Em Bad and Crazy, um policial sem escrúpulos e um anti-herói cruzam caminhos


No drama da tvN, o público é apresentado a Ryu Sooyeol (Lee Dongwook), um oficial de polícia que é reconhecido pela sua competência no trabalho. Sooyeol é alguém ambicioso, viciado em vencer e inescrupuloso: um policial que faz de tudo para garantir seu sucesso. Apesar disso, o período de promoções dentro do departamento de polícia está chegando, e o protagonista vê-se ameaçado a não conseguir alavancar a carreira (apesar de ser, em certos momentos, um profissional de ética questionável).


(iQiyi / tvN /Divulgação)

Nisso, Sooyeol acaba conhecendo K (Wi Hajoon), que é uma pessoa correta, mas simplesmente louca. K, que sonha em ser um herói para a sociedade, apunhala a tudo e a todos para buscar justiça; e Sooyeol acaba sendo tomado por este "senso justiceiro" do novo aliado. Para erradicar a corrupção policial e na sociedade, o personagem de Lee Dongwook precisará arregaçar as mangas.


Contudo, a pergunta que fica é: qual é a ligação entre Sooyeol e K? Bem, será preciso assistir ao dorama para entender este mistério.



De acordo com o ator Wi Hajoon, a química entre ele e Lee Dongwook é grande


As interações entre Wi Hajoon e Lee Dongwook, pelo que é visto nos trailers, são propositalmente malucas. Há momentos frenéticos quando os personagens estão juntos, e o equilíbrio entre eles existe nisso: enquanto um é corrupto e resolve os problemas sem deixar tantas pistas, o outro é correto ao máximo e simultaneamente insano.


Durante a coletiva de imprensa de Bad and Crazy, Wi Hajoon fez questão de mencionar sua química com o colega de câmera. Na ocasião, o ator (que atuou em produções como Round 6, Romance Is a Bonus Book e outras) disse que ele e Dongwook deveriam ganhar o prêmio de Melhor Casal no Baeksang Arts Awards, tamanha interação entre os dois. "Nós não precisamos trabalhar muito para que pudéssemos entrar em sincronia", falou.



Nós nos sincronizamos tão bem no set, que eu frequentemente pensava: "parece que somos a mesma pessoa". Wi Hajoon veio filmar com uma mente bem aberta, e eu lhe dei várias opiniões; e ele ouviu todas. Foi muito fácil "me combinar" com ele. Vocês (a audiência) podem confiar no nosso bromance.

Lee Dongwook na coletiva de imprensa de "Bad and Crazy"



E a respeito de Sooyeol, Lee Dongwook (Goblin, Toque Seu Coração e mais) disse que não sentiu dificuldades em interpretar um bad guy tão ambicioso; e nem ligou sobre como isso poderia afetar sua imagem. "Não senti a mínima pressão nisso. Falei com o diretor com frequência sobre como poderia representar o personagem, da forma mais crua possível. Pensei muito em como mostrar o 'materialismo extremo' dele, e não tive medo de ir com tudo", declarou.



Hajoon também está entusiasmado para o que as pessoas vão achar de K, e toda sua complexidade: "Ele é um personagem apelativo, e uma figura que nunca tentei antes (na atuação). Fico animado ao pensar que as pessoas verão um novo lado de mim, através deste personagem".


Bad and Crazy estará disponível para assistir na Netflix a partir do dia 28 de novembro. No ano passado, o dorama entrou no lugar de Happiness na programação sul-coreana.

Komentarai


bottom of page