top of page

Filme "Stargazer: ASTROSCOPE" coloca fãs do ASTRO em contato com muito amor e saudade

Atualizado: 22 de jan. de 2023

Concerto com documentário foi exibido nos cinemas do Brasil nos dias 27 e 30 de outubro; confira nossas impressões sobre a produção


(Fantagio/Divulgação)


O concerto STARGAZER: ASTROSCOPE é o primeiro filme do boygroup ASTRO, que chegou às salas de cinema do Brasil, pela Cinemark, no fim de outubro. O longa, com quase duas horas de duração, além de ser um show do grupo também é um documentário de cenas inéditas dos integrantes; com entrevistas e uma visita sincera e inédita aos bastidores.


Com relatos da sala de ensaio e o que acontece por trás das câmeras, Stargazer: ASTROSCOPE também mostra o suor e a dedicação do ASTRO nos preparativos de seus concertos, que aconteceram no início de 2022, em meio a suas agendas lotadas e promoções individuais. Todos esses elementos deram para as fãs do grupo (AROHA) um presente inesquecível que mescla saudade, amor e diversão.




Músicas como ONE, Moonwalk e MY ZONE estão na abertura do doc, ao que o ASTRO se encontra com seus fãs em seu primeiro show único em mais de três anos. No entanto, por trás da cortina, entrevistas revelam que o período de preparação de ASTROSCOPE teve preocupações e altas expectativas, boas e ruins.


O grupo, formado por seis membros (MJ, JinJin, Moonbin, Rocky, Sanha e Cha Eunwoo) estava se despedindo do integrante mais velho, que se preparava para o alistamento militar obrigatório na época. Assim, todas as coreografias do boygroup foram refeitas para cinco pessoas, e tudo isso em pouco tempo; e as entrevistas presentes no filme denotam a saudade que os cantora têm da formação completa.


Uma tarefa que, a primeiro momento, poderia ser apenas técnica, se mostrou como um momento de aprendizagem ao ASTRO: a formação original criou raízes de fraternidade e firme aliança no grupo.




Apesar da ida ao exército em 2022, MJ pôde dar as caras em Stargazer: ASTROSCOPE


Um dos destaques do filme, inclusive, foi a aparição de MJ. Seu alistamento no exército aconteceu em maio deste ano, em meio às gravações de Stargazer: ASTROSCOPE, e o cantor teve a oportunidade de se despedir temporariamente dos demais. MJ não pôde participar do show, mas esteve nas entrevistas com muito carisma. Dessa forma, foi possível matar a saudade do "happy virus" do ASTRO.


As imagens editadas e apresentados no filme foram registradas nos dias 28 e 29 de maio, quando ocorreram as apresentações do grupo em Seul. Acompanhar os trabalhos conjuntos e individuais dos meninos foi uma possibilidade com a produção. O concerto, composto por um espectro de performance, cria uma atmosfera intimista e entusiasmada feita especialmente para os AROHA; e o ASTRO é cheio de energia.



(Fantagio/Reprodução)


Os fãs tiveram a oportunidade de curtir músicas de units do grupo, como WHO de Moonbin & Sanha, e Just Breath de Jinjin & Rocky. Além da grande surpresa de Eun-woo, que apareceu no setlist interpretando o solo de trote do MJ, Get Set Yo. No final de Stargazer, os membros puderam também deixar mensagens para o futuro: quem será o ASTRO daqui dez anos? As falas dos integrantes vieram carregadas de esperança, expectativas e felicidade pelo que conquistaram até hoje, desde o debut em 2016.


O ASTRO entra para a lista de atos do K-Pop que têm feito filmes de seus concertos mais recentes, para serem exibidos nas telonas. Nomes como BTS, Seventeen, Super Junior e EXO aderiram ao formato. A iniciativa é uma ótima oportunidade para os fãs sentirem a experiência de um show; e a ideia está começando a pegar nos cinemas do Brasil. Esperamos que, no futuro, mais sessões em solo nacional tenham legendas totalmente em português.

Kommentare


bottom of page