top of page

"Dimension: Dilemma": Enhypen vai do EDM ao rock em novo álbum e entrega seu melhor

Atualizado: 5 de fev. de 2023

Comeback do boygroup conta com participação de Yeonjun do TXT, e produção do icônico duo LDN Noise


(Belift Lab / Divulgação)

É inegável que o K-Pop é intrinsicamente ocupado pela música eletrônica. Principalmente entre os grupos masculinos, o EDM faz parte da discografia de praticamente todos os conjuntos; mas há diferença entre reciclar um gênero, e torná-lo divertido outra vez. No caso do Enhypen, o álbum Dimension: Dilemma traz um ânimo para o cenário dos boygroups, e faz do ato de conhecer a atual geração de idols algo instigante.


Em oito faixas, sendo duas delas intros e outros para caberem no conceito do grupo, os garotos entregam uma faixa-título upbeat e dançante. Nesse sentido, a música Tamed-Dashed ganhou um MV de cores vibrantes e elementos que gostamos de ver no K-Pop: uniformes colegiais, idas à praia, interações com a câmera e bons visuais.



Poderia ser um comeback de verão, mas o Enhypen fez bem em retornar com este conceito fora da época usual. Estamos em outubro e, como é mais comum de ver, boygroups buscam por ideias que fogem das paletas super coloridas nesta época do ano. Bom ver que o grupo da subsidiária Belift Lab foi pelo caminho contrário, e apresentou um estilo "garotos de uniforme" que não ficasse repetitivo.


A tracklist plural de "Dimension: Dilemma" do Enhypen


Em Dimension: Dilemma, a escolha de músicas foi certeira. Como dito acima, o EDM obviamente está presente no álbum, mas não há exageros. As canções, quase todas produzidas pela dupla Wonderkid e "Hitman" Bang (Bang Sihyuk, fundador da Big Hit Entertainment), vão do house music ao pop-rock, num ritmo de trocas de faixas que não cansa.


O que poderia ser uma mescla maluca de ritmos eletrônicos, ou uma experimentação que cabe (ou não deveria caber) à muitos grupos de hoje, o Enhypen opta por algo mais sofisticado. São músicas simples e diretas ao ponto, sem artifícios de breaks desnecessários para alguma performance aleatória no meio do stage. Elas dão vontade de apertar o replay.



Além do mais, entre as músicas mais puxadas para o pop-rock, o Yeonjun do TXT faz uma participação especial. O Tomorrow X Together é um boygroup interessante da atual geração do K-Pop, e a adição de Yeonjun deu um toque à mais na faixa Blockbuster.


Vale ressaltar também o trabalho do duo LDN Noise em Go Big or Go Home, que é a pura dance music já característica dos produtores. O LDN Noise já trabalhou com muitos artistas do K-Pop, em destaque os da SM (EXO, F(x), SHINee, Red Velvet), então o investimento no Enhypen foi bem qualificado.


Para onde o Enhypen vai daqui em diante?


O Enhypen está numa linha de lançamentos muito boa desde seu debut. Em 2021, o grupo também divulgou o mini álbum "Border: Carnival", e Dimension: Dilemma é onde está o equilíbrio entre os dois releases: enquanto um trouxe as frenéticas Drunk-Dazed e Fever, o outro carrega o "ar fresco" que todo grupo precisa ter entre lançamentos de ritmos mais pesados.



Ainda há muito para o Enhypen trilhar no K-Pop. Eles são um grupo novo, que debutou no ano passado, mas que apresenta certo crescimento. Particularmente falando, é muito difícil que um grupo da geração vigente do pop sul-coreano chame minha atenção; porém, o boygroup conseguiu me fisgar.


Eles são jovens, bastante energéticos e sua música tem carisma. Em Dimension: Dilemma, Enhypen mostra que a indústria ainda é capaz de debutar grupos em conceitos já conhecidos, mas que conseguem inovar o "mais do mesmo". Espero que este boygroup ainda cresça muito.



Escute "Dimension: Dilemma" abaixo:







67 visualizações

Comments


bottom of page